UOL Estilo UOL Estilo






Meu perfil
BRASIL, Mulher, Portuguese

Neste blog Na Web

 Visitas  
 
A páscoa está chegando

 

Por Jô Hallack

Uma das datas festivas que mais adoro é a Páscoa. Afinal, é nessa época do ano que ganhamos ovos de chocolate.
Melhor do que isso, só o dinheiro da Fada do Dente! (Como a minha família sempre foi meio estranha, na minha casa, ao invés da fada, quem dava  o dinheiro do dente era um rato!)

Apesar disso, algumas pessoas têm prazer em estragar as comemorações. Você não fica passada com...
1 - Indivíduos que, ao invés de te darem um ovo, resolvem te presentear com coisas originais, tipo marzipan. Ou, pior ainda, te dão um ovo de páscoa criativo, como um bombom feito de quinoa.
2 - Quem ganha mais ovos que você. Não ganho um ovo fixo de ninguém. Afinal, meus pais - sim, aqueles que substituiram a fada por um rato - limaram este ritual lúdico faz tanto tempo que eu nem me lembro! E, óbvio, sempre tive primos que ganhavam ovos gigantes e que sabiam toda a numeração dos ovos.
3 - Quem ganha menos ovos que você. E não liga! E o que acontece. A pessoa ganhara um simples ovo e não come. O ovo vai rendendo na geladeira, até se transformar numa coisa branca estranha. Essa criatura, quando criança, devia ser aquela que comia os doces bem devagar só para fazer vontande nas crianças glutonas que comiam o doce rápido!
4 - Aqueles que, quando percebem que você está tendo um orgasmo se fartando de chocolate, resolvem lembrar o verdadeiro significado da Páscoa. Que eu não estou me recordando qual é. Algo a ver com o amor ao próximo.
5 - Aqueles que fazem questão de te lembrar que na sexta-feira (não é sexta?) você não pode comer carne. Sendo que eles te lembram isso só porque encontram você na loja de sucos e você estava comendo um hamburger luxo.
6 - As pessoas finas que ganham chocolates Godiva ou outras guloseimas de rico.
7 - As pessoas finas que dão para os outros coisas que não dão para comer, tipo um coelho da páscoa origami.
8- O programador de TV que escolhe filmes bregas sobre Jesus. Já viram um em que Maria Madelena é a Grace? (Sim, do Will and Grace).
9 - Os atores que fazem o auto de Natal. Jesus é o Henri Casteli!!!! Não dá!
10 - O Coelho da Páscoa em si, pelo simples fato de não existir de verdade. 



:: Escrito por 02 Neurônio às 19h03

Quem é Soca?!

Por Raq Affonso

Você resolveu mudar de operadora de celular. E está passando sua agenda de telefone para o aparelho novo. Pessoas que entendem de tecnologia devem fazer isso de uma forma mais esperta, mas eu tenho que redigitar tudo novamente.

Foi quando eu vi na letra S, um telefone inusitado: SOCA. Isso mesmo, SOCA, de socar. E eu não tenho idéia de quem seja esse tal de SOCA!

Fiquei mal! Eu tinha um telefone e não me lembrava de quem! Será que sofri uma amnésia, peguei o telefone de Soca, e nem me lembro da cara dele?! Mas quem se chama Soca? Deve ser uma pegadinha.

Começo a investigar o tal número. Era um dos últimos gravados. Mas não o último. Começo a pesquisar pra ver quem foram os últimos e analisar quem data foi gravado no celular. De repente, um dado importantíssimo: o prefixo era de outra cidade! Mais precisamente da cidade na qual passei o Carnaval! Será que fiquei loucona no baile de Carnaval e conheci Soca? Mas quem não se lembraria de uma pessoa com esse nome?!

De repente caiu a ficha: Soca era um contato que eu e Jô tínhamos para conseguir uma fantasia para desfilar no Carnaval. Um homem da comunidade da Rocinha. Mas que não conseguiu nada. Aliás, nem atendeu meu telefonema!

Adeus Soca. Nunca mais vou te ligar.

:: Escrito por 02 Neurônio às 22h18

Precisa-se de road (aceita-se também produtor executivo)

Por Nina Lemos

A empregada faltou, o computador deu pau e descobri que fiz uma reserva de avião errada. A casa tá um caos. E eu também. Do que eu preciso no momento? De um roadie, sim, alguém que ligue na empresa aérea pra mim, compre um computador novo pelo preço mais barato e contrate uma arrumadeira de um dia. Mas eu sou mulher. E mulher não tem roadie.

Roadie, se você é de outro planeta, é aquela pessoa que carrega e cuida dos equipamentos de som de uma banda. Eles também percebem, por exemplo, se a corda da guitarra estragou no meio do show e vêm trocar.   

Se eu tivesse um roadie, ele viria arrumar o meu computador enquanto eu escrevo. E eu não precisaria sair por aí carregando uma CPU. Sim, eu já fiz isso. De táxi. E olha que na época eu era casada.   

Meus amigos homens costumam ter suas roadies (e eu mesma sou tipo "chefe dos roadies" de um deles). A equipe que organiza a vida dos meus amigos é formada por amigas, pretês, ex namoradas. Elas receitam remédios para gripe, dão telefones de agentes de viagens.

Eu sigo sem roadie. Tá, ás vezes, quando a gente namora, o cara até é um pouco roadie. Mas nem tanto como somos na vida deles, em geral. Prometi pra um amigo que tem roadies não falar muito mal de homem por um tempo. Não estou falando mal.

Só digo que preciso de um roadie.

Um diretor de produção também cairia bem. Aguardo currículos. Paga-se com afeto. 

:: Escrito por 02 Neurônio às 20h15