A Casa do Descontrol Supremo

Por Nina Lemos 

 

Tudo começou quando a Rita, amiga desse site e criadora da Theodora, teve mais uma de suas idéias malucas. Deve ser porque ela é viciada em reality show, mas, enfim. Ela decidiu colocar vários amigos estilistas num ônibus com suas roupas e colchonetes e ocupar uma casa por um final de semana no Rio. Lá, estilistas amigos moram, vendem e fazem festa por três dias.

A primeira edição, ano passado, foi hilária.

Momentos mais engraçados: o apego dos meninos por uma Melissa de salto altíssimo do Karim Rashid. Os absurdos falados pelo J Pig. O Victor Ângelo e a caipirinha. A Karla Girotto brigando com pessoas na rua que chamaram ela e seus amigos de “coloridinhos de alma triste”.

Este final de semana está rolando mais uma Fashion House aqui no Rio. E decidimos fazer o lançamento do nosso livro com eles porque:

1-     Gostamos de compras. E agora podemos comprar roupas entre uma assinatura de livro e outra.

2-     Somos amigas das pessoas que estão na casa e queríamos uma desculpa para ficar mais tempo com elas.

3-     Acreditamos nos Saltimbancos, ou seja, que “todos juntos somos fortes, somos flecha e somos arco.’

4-     O nosso amado Xico Sá vai lançar o livro no mesmo dia que a gente. E essa é a primeira vez em que fazemos um lançamento juntos.

 

5-     Enfim, nós gostamos de nos divertir e gostamos de ter amigos.

 

Já começou. Ontem teve festinha. Oito da noite o meu celular toca. Era a Bianca Exótica, histérica, porque queria fazer a barba em algum lugar e a água da casa tinha acabado. Deu tudo certo. Ajudamos a Bianca.

 

A mesma tem um bazar na casa. E está vendendo uma camiseta da Suvinil por 35 reais. “Mas porque tão caro, Bianca?”. “É que eu ganhei essa camiseta de um bofe que eu peguei”. E??? “Se você comprar a camiseta, ela vai te dar sorte e você vai arrumar vários pintores. “Se ele quis me comer, porque não vai comer você?”. Ninguém teve coragem,  ainda, de comprar a camiseta da Bianca.

 

Esperamos vocês lá amanhã, domingo, 17 horas. Sim, é no dia das mães. Mas você pode ir lá depois que brigar com a sua família.

 

Onde: Rua Visconde de Itaúnas, 288, Jardim Botânico