UOL Estilo UOL Estilo






Meu perfil
BRASIL, Mulher, Portuguese

Neste blog Na Web

 Visitas  
 
O Grande Cansaço

. O grande cansaço te acomete algumas vezes por ano. Em geral, ele tem uma causa específica, tipo o trabalho intenso por uma semana em um evento de moda, ou um surto de excesso de balada que te dá e te faz ficar quatro dias sem dormir. Ou na quarta-feira de cinzas.

Na verdade, o grande cansaço sempre parece uma quarta-feira de cinzas. E lá fica você, assustada com um cansaço tão grande e com medo de estar entrando em depressão.

_Será que eu estou deprimida?, você pergunta para uma amiga.

_Nina, só para te lembrar, isso acontece todo ano, diz ela, também alvo do grande cansaço.  

Quando o GC te pega, você corre alguns riscos. Além de achar que está deprimida, você pode ser acometida por pensamentos negativos (o que pode até te deixar deprimida de fato). Você vai começar a achar que a sua vida é uma merda e esquecer de todas as coisas boas (que são muitas) e focar na falta. Seja ela qual for. Você também corre o risco de ter recaídas românticas e se pegar pensando (e quase sofrendo) por tristezas amorosas que você já superou. E chorar por um amor que deu errado faz um ano. Ou achar que aquele cara com quem definitivamente “a gente junto não rola” é o homem da sua vida.

Durante o Grande Cansaço, você lê livros tristes e sente dor no corpo. E pensa. ~

_Será que eu estou doente.

Não, não está. Você é apenas uma vítima do grande cansaço. Uma pessoa que poderia ser diagnosticada com exaustão. E que por isso vai na farmácia e compra um vidro de vitaminas. E toma banho gelado.

Uma hora o Grande Cansaço passa. E você esquece dele. Até se meter de novo na mesma coisa que te causa o mal, Porque o grande cansaço é tipo as dores do parto, você esquece completamente que sofreu do mal. E levantou.

(Por Nina Lemos)

:: Escrito por 02 Neurônio às 19h53